O maior défice do País não é financeiro, nem é democrático, talvez seja neuronal, mas é concerteza de senso comum
Quinta-feira, 19 de Abril de 2007
O pudor é a última homenagem que o vício presta à virtude
O pudor é a última homenagem que o vício presta à virtude (frase atribuída a Abelardo, não verifiquei). Quando o pudor se apaga já nada resta.
 
Isto vem a propósito da vergonha que constitui o percurso académico (?) do primeiro ministro. Tinha habilitação de engenheiro técnico (antigamente designado agente técnico de engenharia). Para quem defende o choque tecnológico, até constituía um símbolo a favor do ensino técnico-profissional. Só lhe ficava bem e não precisava de mais.
 
Mas não. Não resistiu ao cabotinismo de querer ser mais do que era e foi buscar uma licenciatura à Universidade Independente como quem vai ao centro comercial comprar um CD. Ainda por cima, trouxe uma cópia pirata.
 
Depois, foi uma trapalhada para esconder e disfarçar: duas declarações diferentes no Parlamento, com desaparecimento do original; um certificado claramente falso na Câmara da Covilhã; a mentira de uma equivalência obtida sem a prova documental das habilitações a equivaler (com a promessa da demonstração futura); uma licenciatura obtida num domingo de Agosto, quando todas as Universidades estão fechadas; uma licenciatura em engenharia civil que a própria Ordem dos Engenheiros não reconhece; quatro cadeiras dadas por um mesmo professor que “por acaso” acabou por ser nomeado pelo governo dele para várias funções; uma disciplina de inglês técnico tirada numa folha A4 feita em casa e mandada com um cartão da Secretaria de Estado; a tentativa boçal de intimidar os jornalistas. Etc...
 
Estou de acordo: este homem tem um problema de carácter.
 
Porque se sente de tal modo inferiorizado com a habilitação de engenheiro técnico, que não resiste ao impulso compulsivo de improvisar uma licenciatura; e que, depois de descoberto, não tem coragem para enfrentar a verdade e tenta enganar-se a si próprio e a todos os outros.
 
É grave por defeito de carácter.
 
Mas é grave também por outra razão: é este "engenheiro" que vai decidir sobre a Ota e o TGV!
 
Acho que Sócrates não deve demitir-se e deve completar o mandato até ao fim. Portugal precisa que os governos cumpram os mandatos. Não suporta mais instabilidade política. Mas, já agora, com menos arrogância e mais humildade... por favor.
 
Na próxima eleição será bom que os portugueses elejam alguém com solidez, competência e sobriedade... em vez de uma qualquer “celebrity” com “carisma”.
 
E repito, a concluir: o pudor é a última homenagem que o vício presta á virtude.

tags:

publicado por commonsense às 22:48
link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De touaqui42 a 20 de Abril de 2007 às 19:56
Infelizmente temos os POLITICOS que merecemos .
Aliás nem já tentam fazer frente a algo que se sabe que na CERTA até que o TAL SENHOR FULANO TAL não tem o tal CERTIFICÁDO.
Na certa até que os ORIGINAIS já foram DESTRUIDOS, azar dos azares , vejam só o MAL que dá aos PAPEIS, já não bastava o VIRUS das GALINHAS que até temos um VIRUS INVISIVEL que faz desaparecer PAPEIS.
Histórias mais que mal contádas e por gente que se intitula PESSOAS COM RACIOCINIO e CARACTER.
Ou se calhar pensam que o POVO é ESTUPIDO DEMAIS para perceber anomalias.


De fanicos a 22 de Abril de 2007 às 19:47
A propósito de habilitações literárias de deputados, aqui vai uma divertida:

MATILDE SOUSA FRANCO (PS)

Habilitações Literárias

Doutoranda em História da Arte


Licenciatura em História


Curso de Especialização de Conservadora de Museus


(do site oficial do Parlamento)

Até rebentar o escândalo do Sócrates, o que constava era Doutorada. Segundo afirmou, a “menina Matilde” nunca tinha dado por isso. Mas foi a correr emendar o “lapso”. E pronto, de “doutorada”, ficou “doutoranda”.

Pergunta 1: Será “doutorando” em título académico? Também haverá “licenciandos” e “mestrandos”?

Pergunta 2: Quem será o malvado funcionário da AR que anda a inventar títulos académicos aos deputados?


De Dona Redonda a 22 de Abril de 2007 às 23:55
"Mas, já agora, com menos arrogância e mais humildade... por favor. "

Com os elogios que o Soares lhe fez ? Até acho que ele vai ficar mais inchado ...


De fanicos a 23 de Abril de 2007 às 16:04
"... foi buscar uma licenciatura à Universidade Independente como quem vai ao centro comercial comprar um CD. Ainda por cima, trouxe uma cópia pirata."

Adorei esta !


Comentar post

blogs SAPO
mais sobre mim
visitas
subscrever feeds
links
pesquisar
 
posts recentes

de volta para o Blogger

o bastonário

broken windows

inocência

o bastonário

o regular funcionamento d...

Sócrates tem mesmo de ser...

bloco central revisited

o bairro da bela vista

um só Deus para tanta gen...

isto é uma vergonha (8) a...

SAP - sociedades anónimas...

a Chrysler faliu

viragem de rumo na Islând...

o Diário de Notícias e o ...

europeias 4 - o debate na...

the fool on the hill

europeias 3

combustíveis, concorrênci...

Vincent van Gogh

cego, surdo e mudo

sem eira nem beira

europeias 2

nem às paredes confesso.....

isto é uma vergonha (7) a...

candura

a sida, o comportamento s...

o bastoneiro da desordem

isto é uma vergonha (6) o...

Jennifer Junniper (Donova...

a saga do provedor

pinho & lino

o relatório Larosière

é preciso não perceber na...

madoff

consciência da impunidade

Portugal novo

já não era sem tempo

ó patego olh'ó balão

a cimeira europeia

tu quoque

isto é uma vergonha (5) "...

lá e cá, a Máfia

anomia

supervizinha

isto é uma vergonha (4) V...

invasão dos bárbaros

accionistas masoquistas

yes we can!

isto é uma vergonha (3) F...

arquivos

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Agosto 2005

Junho 2005

Maio 2005

tags

aborto baby-killers

american soft power

baby killers

baby killers 4

berlusconi

burocracia

casa pia

crianças

crianças; casa pia

crise

cultura

dinheiro

economia

esperança; política; desporto

ética

europa

freeport

fumar

guerra

islão

justiça

kosovo

natal

negócios

nuclear

ota

país

paz

pinho&lino

política

ps

psd

religião

renditions

saúde

sida

sixties

sociedade

socretinos

tabaco

universidade

todas as tags

subscrever feeds